Barreiras/"Muda que muda"


A Câmara Municipal de Torrés Vedras  não é parca em palavras de auto elogio de todas as realizações que respeitem ao problema da Mobilidade.  Uma questão óbvia  de provincianismo.
Foi assim com o Vai-Vem ( que agonizou face à incompetência em o revitalizar), com a Ciclovia do Barro (em agonia), com a Ecopista do Sizandro (utilizada por todo o tipo de veículos), com a Ciclovia das Escolas (uma aberração), e com as "Agostinhas" (entretanto. fóra de serviço) que mais não têm servido senão para recreio de fim de semana.
Cuidar de garantir condições de segurança para as pessoas que se deslocam pela cidade não é coisa que a preocupe.
O video que junto é uma  pequena amostragem da situação 

Nota: Segundo estudo de caracterização dos municipios com pessoas portadoras de deficiência visual,  organizado pela Divisão Social da C.M.T.Vedras, existem no concelho 68 cidadãos com deficiência visual grave e 38 com incapacidade visual igual ou superior a 30%



http://goo.gl/sqo50O

Em Mafra 


Sem comentários:

Enviar um comentário